Etiquetas

quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Mais vale dois que nenhum...

Boas Amigos,

Esta saída de surfcasting não era para ter sido feita, mas à última hora olhei para as condições e arrisquei, visto que na próxima oportunidade não podia estar presente, pensei para mim, mais vale aproveitar esta do que nenhuma... Mais valia não ter pensado... lol

Bom, mas avançando, olhando para as condições, fui ao congelador e disse para mim, olha ao menos vou vazar isto para arranjar espaço!

ROBALOTE A SALVAR A NOITE


UMA TONELADA DE ISCO CONGELADO
QUE ERA PARA NÃO PASSAREM FOME


Tendo a trouxa pronta fui para o pesqueiro onde ainda cheguei de dia, coisa rara para os meus lados, mas há que aproveitar estas oportunidades, pois assim consigo analisar outros spots, para na próxima ter outro pesqueiro já em mente...
Apesar de não pescar muitas vezes com 3 canas, neste jornada pensei já que levo uma tonelada de isca, mais vale ter cada uma a sua ementa...lol



A chuva volta e meia ameaçava, mas ia passando pelos lados, está claro que quando quis arrumar as coisas tinha que levar com uma em cima, mas prontos lá me abriguei num buraco com uma capa e depois de ter aberto, esperei que o material secasse com o vento que de repente, aumentou no quadrante NORTE para 40 km/h, coisa que já sabia que ia acontecer, mas prontos a hora matadora tinha passado e eu apenas tinha aproveitado um robalote e um sargo bonzinho...

ESTE FOI FAZER COMPANHIA AO ROBALOTE


O resto foi só pequenada, que foi devolvida e mais algumas piranhas que nem deixavam a isca sossegada...

ROBALOTE DEVOLVIDO


Desta vez não foi uma boa aposta, mas é mesmo assim, há que aprender com todos os momentos que passamos junto ao mar, pelo menos no meu caso, nesta jornada tirei mais uns apontamentos!



Forte Abraço e Apertem com eles



quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Uma mista quase tripla

Boas Amigos,

Uma saída ao surfcasting à procura de algumas douradas que andassem meio perdidas por aí... Ao chegar ao spot, o mar estava com excelentes condições, mas o limo que andava por ali deixava-me antever uma jornada algo difícil...

Ao montar as canas nas calmas e fazendo alguns lançamentos para tentar descobrir a morfologia do pesqueiro trouxe logo bastante limo para fazer umas saladas... :)
Mas como sabia que o vento e força do mar ia mudar, fiquei na esperança do limo também ir para outras bandas!

Só quando ficou mesmo noite cerrada é que o peixe começou a dar o ar da sua graça, onde alguns robalos e sargos foram devolvidos, pois além de terem medida, não era bem isso que procurava...

O primeiro peixe que guardei foi um belo sargo, onde a seguir dei com uma dourada, depois um robalote e a seguir uma baila. Pensei para mim olha já tenho uma bela mista...

TOTAL DA FAINA


Estes momentos no final do dia para mim são mágicos, pois toda a Natureza à volta muda de cores tão rápido que nem dá para absorver toda essa energia positiva!



O limo foi uma constante, mas durante a noite acalmou um pouco, o suficiente para pescar mais ou menos.



Fiquei com a ideia de que tive mais 3 ataques, mas elas andavam muito manhosas. Esta foi a que me deu mais trabalho, vá lá que o anzol ficou bem cravado...



Estas pedras com comedia são um regalo, para os meus olhos!!!



No total ainda devo ter libertado uns 7 robalos / bailas, mesmo com medida ficaram por lá para crescer mais um pouco. As bailas foi pena não ter vindo duas mais compridas para fazer uma tripla... :)







Forte Abraço e Apertem com eles



quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Uns peixes por ai

Boas Amigos,

Ultimamente tem sido difícil fazer umas pescas, principalmente nos pesqueiros que mais prazer me dão, ou por falta de tempo ou por falta de condições, há sempre qualquer coisa que no momento não bate certo para arrancar com a trouxa. Mas mesmo com estes contratempos lá arranjo um tempinho de 2 horitas para ir esticar as canas num spot aqui por perto de casa, para sentir aquela tranquilidade que o mar nos transmite, vocês sabem do que estou a falar...

Neste final de dia apareceram uns pexecos que foram devolvidos e apenas fiquei com esta dourada, já deu para uma janta, com umas batatinhas doces e um pouco de mel... :)



Quando o mar deu um toque e como os dias agora estão mais curtos aproveitei para ver se dava com alguma coisa de jeito, numa investida nas últimas 2 horas da enchente. Ainda dei com uns sargotes, mas o melhor mesmo foi o linguado. Não me importava de trocar os sargos por meia dúzia destes linguados... :)



Nesta pesca o limo deu um pouco de trabalho e os sargotes devolvidos também foram bastantes...



Bom pessoal agora que o tempo começa a ficar mais fresquinho, (depois do fim-de-semana) está na hora de sair do sofá e ir atrás deles, passar aquelas noites geladas, em que os dedinhos já não se sentem, apenas aquecem quando apanhamos o tal barrote... Ahahahah



Forte Abraço e Apertem com eles




sexta-feira, 18 de outubro de 2019

As bailas compuseram a pesca

Boas Amigos,

Nesta faina, tentei ir para um spot que há muito já não ia lá ver a coisa, mas para o meu espanto, quando vou a caminho, vejo lá pessoal. Bom estando o buraco preenchido e de resto não havia assim nada que me chamasse a atenção, optei por ficar num cantinho que mal dava para espetar as canas, mas prontos, como o mar era manso, elas lá se foram mantendo.

A actividade do peixe, era muito, principalmente as bailas, parecia que estavam em frenesim. Ainda trouxe estas, que nos tempos de hoje são bem boas! A meio da faina lá dei com um robalote mais simpático que tornou esta pesca como uma cereja por cima do bolo... :)

Pelo menos safei a coisa com alguns pexecos, o que já não foi mau!
 




Forte Abraço e Apertem com eles